Serviços

Instabilidade prevalece na maior parte de MS, e tempo será marcado por chuvas nesta segunda – Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul


O tempo em Mato Grosso do Sul continua instável, com previsão de chuvas de intensidade fraca a moderada em grande parte do Estado. Locais como as regiões norte e Bolsão podem esperar chuvas mais intensas, acompanhadas de ventos, devido à atuação de uma área de baixa pressão atmosférica e à convergência de umidade.

A previsão é do Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), órgão vinculado ao Governo de Mato Grosso do Sul através da Semadesc (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação).

Destaca-se a necessidade de atenção nas regiões norte e Bolsão, especialmente considerando que já ocorreram chuvas nos últimos dias e há probabilidade de acumulados acima de 40 milímetros no período das próximas 24 horas. É importante que os moradores estejam preparados para possíveis chuvas e mantenham-se atualizados sobre as condições climáticas locais.

Nas regiões leste, central e pantaneira, são esperadas pancadas de chuva devido à presença de cavados que favorecem a formação de nuvens e precipitação. Por outro lado, as regiões sul, sudeste e sudoeste devem experimentar tempo firme, com sol e variação de nebulosidade.

As temperaturas nessas áreas tenderão a subir gradualmente ao longo da semana, devido à atuação da alta pressão atmosférica. Para esta segunda-feira (25), os termômetros devem ficar na casa dos 18°C de mínima e até 35°C de máxima no Estado.

Tal mínima deve ser verificada nas regiões sul, sudeste e leste, onde a temperatura máxima deve ser de 32°C. Já a máxima de 35°C ocorre nas regiões sudoeste e pantaneira, principalmente em Porto Murtinho, onde o termômetro deve ficar com a mínima de 23°C.

Nas regiões norte e Bolsão, a variação deve ficar entre 21°C e 29°C, enquanto em Campo Grande os termômetros oscilan entre os 20°C e 29°C. Os ventos no Estado, segundo o Cemtec, ficam na marca dos 30 km/h a 50 km/h, pontualmente com rajadas passando dessa velocidade.

Comunicação Governo de MS
Foto: Álvaro Rezende

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *