Serviços

Agência Minas Gerais | Empresa Mineira de Comunicação sela acordo com Tribunal de Contas em ação educativa

Programas como Agenda, Brasil das Gerais e +Geraes, da Rede Minas, e Bazar Maravilha e Almanaque, da Rádio Inconfidência, terão conteúdo referente ao trabalho do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG), órgão que fiscaliza os recursos e gastos públicos. 

A inclusão nas atrações das emissoras públicas mineiras ocorre após assinatura de Termo de Compromisso entre a Empresa Mineira de Comunicação (EMC) e o TCE, na sede da Empresa Mineira de Comunicação, com a participação do presidente da EMC, Gustavo Mendicino, e do presidente do TCE, Gilberto Diniz.  

“Este acordo aprofunda aquilo que tanto a EMC quanto o TCE têm em comum: servir ao interesse público em Minas Gerais. Com a parceria, o cidadão poderá elucidar dúvidas acerca dos gastos públicos, por meio de informações relevantes sobre o tribunal, fazendo a diferença na vida dos mineiros”, detalhou Mendicino.

Atento à capilaridade das emissoras públicas no estado, Gilberto Diniz aposta que a parceria dará mais visibilidade ao TCE. 

“Selar este termo de cooperação integra nosso plano estratégico que é privilegiar ações de divulgação do TCE, levando informação atualizada sobre o tribunal e suas ações em defesa dos direitos do cidadão mineiro. E a Rede Minas e a Rádio Inconfidência são espaços privilegiados para esse alcance, porque cobrem, juntas, todo o estado”, afirmou.

Conteúdos

Além da participação em atrações, programetes educativos também serão exibidos nas emissoras. 

Esses conteúdos que vão mostrar as decisões e iniciativas do Tribunal de Contas e como é feito o controle das contas públicas. 

Também mostrar ferramentas de inserção do cidadão como aliado da fiscalização são objetivos do órgão no espaço de divulgação na mídia pública.

O Termo de Compromisso ainda prevê cursos para os servidores e empregados públicos da Rede Minas e Rádio Inconfidência, incluindo vagas de pós-graduação e capacitação visando a qualificação nos aparelhos do estado.