Serviços

Orquestra Sinfônica realiza concerto no Centro Cultural São Francisco nesta sexta-feira

A Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa realiza, nesta sexta-feira (5), o V Concerto Oficial da Temporada 2024. O evento acontece no Centro Cultural São Francisco, localizado no Centro Histórico da cidade, a partir das 19h, sob a regência do maestro Nilson Galvão.

“Nossa orquestra mantém, de maneira firme, uma agenda junto ao Centro Cultural São Francisco. Todos os meses, nós realizamos os ensaios e o concerto nesse belíssimo equipamento de cultura, com o qual temos uma parceria. E os nossos concertos são sempre acolhidos de maneira majestosa pelo público”, comenta o diretor executivo da Funjope, Marcus Alves.

Ele observa que, desde o primeiro concerto, a cidade de João Pessoa frequenta de forma permanente as apresentações da Orquestra Sinfônica Municipal. “A Orquestra tem musicistas e músicos extremamente capacitados, com uma competência interpretativa muito forte. O nosso maestro tem uma liderança intensa sobre todos esses músicos e ele realmente consegue organizar e dar uma dinâmica única à Orquestra. Todos estão de parabéns”, celebra o diretor.

“Aproveito para agradecer ao padre Marcondes Menezes e sua equipe que sempre acolhe os nossos projetos culturais no Museu São Francisco, desde as pequenas ações, como reuniões de culturas populares, até grandes eventos como os concertos da orquestra e a nossa Paixão de Cristo que realizamos há três anos no ambiente do Museu”, acrescenta.

O maestro Nilson Galvão explica como será o concerto desta sexta-feira. “Nesse concerto, vamos apresentar duas peças continuando com a sinfonia de Schubert. Nós já tocamos três sinfonias dele, uma no ano passado e duas esse ano, e vamos continuar tocando a quarta sinfonia. Também vamos apresentar uma peça do compositor inglês Benjamin Britten”, comenta Nilson Galvão. Ele lembra que essa peça é só para instrumentos de cordas e vai abrir o programa.

“O público pode esperar um concerto divertido, já que a primeira obra faz parte de um ciclo de obras que o compositor inglês escreveu ainda muito jovem”, conta. Benjamin Britten, compositor, regente e pianista inglês, escreveu Simple Symphony entre os anos de 1933-34 e foi concluída quando o compositor tinha 20 anos de idade.

O compositor dedicou a sinfonia a seu professor de viola, que se baseia em oito pequenos temas que Britten escreveu quando criança. A obra dura em média 20 minutos e é dividida em quatro partes. Os títulos dos movimentos dão uma característica de brincadeira, divertimento para a obra.

“É um concerto de música com altíssima qualidade e também é diferenciado, já que estamos fazendo esse miniciclo das obras de Schubert e vamos continuar tocando, mais para a frente, a sinfonia mais conhecida dele que é a Inacabada, acredito que em outubro ou dezembro”, pontua.

Programa do V Concerto

Benjamin Britten: Simple Symphony

I. Boisterous Bourrée

II. Playful Pizzicato

III. Sentimental Sarabande

IV. Frolicsome Finale

Franz Schubert: Sinfonia No 4 em dó menor

I. Adagio molto – Allegro vivace

II. Andante

III. Menuetto Allegro vivace – trio

IV. Allegro